1. O Projeto?

A leitura e a escrita são competências que o indivíduo desenvolve ao longo de suas experiências de letramento. Nesse contexto, desenvolvemos este Projeto com o intuito de incentivar a leitura, a produção escrita e a circulação do texto do aluno e do professor da Escola Municipal Tertuliano Maciel, localizada na zona rural do Município de Queimadas/PB. Esta Escola atende cerca de 800 alunos nos turnos manhã, tarde e noite. Os alunos envolvidos no Projeto cursam o Ensino Fundamental I e II, EJA e Novo Mais Educação.

O Projeto começou no mês de maio de 2017, depois de observamos um baixo letramento com relação à leitura e escrita, nas turmas que lecionávamos. Assim, na tentativa de se responder à necessidade de formar alunos LEITORES e PRODUTORES de textos para as mais diversas situações comunicativas, transcendendo assim a velha tríade escolar aluno/texto/professor, possibilitando uma relação mais significativa, texto/contexto de produção/circulação, é que propomos esse Projeto.

2. Objetivos

Geral:

Incentivar a leitura, a produção escrita e a circulação do texto do aluno e do professor dentro e fora da escola pública Municipal Tertuliano Maciel-Queimadas/PB;

Específicos:

  • promover espaços de leitura (rodas de leitura, circuito do livro…) dentro e fora da escola;
  • produzir textos — tanto orais como escritos — coerentes, coesos, adequados a seus interlocutores e a situação de produção;
  • compreender os textos orais e escritos com os quais se defrontam em diferentes situações de participação social, interpretando-os corretamente e inferindo as intenções de quem os produz;
  • valorizar a leitura como fonte de informação, via de acesso aos mundos criados pela literatura e possibilidade de fruição estética, sendo capazes de recorrer aos materiais escritos em função de diferentes objetivos;
  • valer-se da linguagem para melhorar a qualidade de suas relações pessoais, sendo capazes de expressar seus sentimentos, experiências, ideias e opiniões, bem como de acolher, interpretar e considerar os dos outros, contrapondo-os quando necessário;
  • Promover a produção e difusão de diferentes formas de arte e cultura dentro da escola (música, teatro, dança, fotografia, cinema, vídeo, artes plásticas, pintura, grafite etc.).

3. Quem participa do Projeto?

  • Fundamental I
  • Fundamental II
  • EJA
  • Mais Educação
  • Professores
  • Convidados

4. Os desafios

  • Leitura: como desenvolver a competência leitora crítico-reflexiva, tão veementemente preconizada pelos documentos oficiais, pelos manuais didáticos, em suma, pelo discurso escolar/pedagógico?
  • Oralidade: como desenvolver o ensino da oralidade considerando os objetivos didáticos e as interfaces que estabelece com a escrita?
  • Escrita: como desenvolver as habilidades de escrita, de modo a levar o aluno à posição de um sujeito autor de seus textos, com tudo que isso implica do ponto de vista das operações linguísticas, enunciativas e discursivas?
  • Produção cultural: como estimular o ensino da música, artes visuais, dança, teatro (e toda expressão artístico-cultural) na escola, de modo a levar o aluno a conhecer plenamente outras áreas do conhecimento e aproveitar mais o mundo que o cerca?

5. As metas

  • Desenvolver a competência leitora crítico-reflexiva;
  • Desenvolver a habilidade para a prática oral nas diversas situações;
  • Desenvolver a habilidade de escrita, de modo a levar o aluno à posição de um sujeito autor de seus textos;
  • Cultivar diversas práticas socioculturais dentro/fora da escola (música, artes, cinema, literatura etc.).

6. As ações do Projeto

  • Valorização e ampliação da BIBLIOTECA ESCOLAR
  • Criação e divulgação do CLUBE DA LEITURA E DA ESCRITA
  • Criação e fortalecimento da REVISTA TERTÚLIA
  • Criação e expansão do evento LITTER’ARTE (Evento sociocultural)